Follow by Email

segunda-feira, 11 de abril de 2011

"Imagens do Multiverso"

Tenho ouvido muito nesses últimos tempos a cantora Florence Welch, artisticamente conhecida por sua banda, Florence + The Machine! Costumo definir seu estilo como Pop Cósmico, já que ela sempre me faz sentir numa órbita, observando com uma falsa paciência as estruturas que orbitam, a meu lado. E nesse clima espacial, rs, acabei incitando o que chamei de "Imagens do Multiverso", uma poesia de amor. A música que a inspirou está logo abaixo, e tem o singelo título de "Estranheza e Encanto"... Pode ficar melhor? Sim! Ouça...


Imagens do Multiverso

E vou até as estrelas
Para buscar seu presente
Serei doce
Serei amargo
Serei tudo
Que lhe cura,
Ó,
Planeta doente

Vou até as estrelas
Para encontrar nelas
O que você roubou de mim
Você roubou,
Pôs em seus olhos,
E por causa disso
Que só consigo viver
Quando eles me olham
Dizendo que ali
Há algo daqui...
O que perdi,
Você roubou de mim

Então venha comigo
Até perto desses astros,
E lá farei uma cama
Para nosso amor
Ela será
Nosso quarto,
E emendarei cometas
E supernovas
A uns poucos rastros de poeira,
Para tecer sua toga,
Caminhos,
Seus passos

Você será bonito
Eu serei bonito
Seremos divinos
Perante o brilho
Dessas estrelas,
Queimando todos os vícios
E fazendo da virtude
Rainha,
Como se este fosse
Nosso mais preciso
Suplício

Eu estarei com você
E as estrelas serão
O início
O início de nosso fim,
Nosso desejo,
Nosso amor orbitando
No escuro mais vivo...

Flutuaremos no infinito

Infinito



Feel it on me, love! Feel it on me, love! Feel it on me, love... Strangeness and Charm!

2 comentários:

  1. é incrível a forma como o texto fica comparando a distância em relação as estrelas que muitas vezes são muito além do que se pode vê...

    ResponderExcluir
  2. Às vezes as estrelas estão mais perto de nós do que nossa própria essência ;)

    ResponderExcluir